domingo, 3 de janeiro de 2010

Um pouco de reflexão

Em uma época onde vivemos a aceleração do tempo (David Harvey) parece que nada mais nos surpreende. As distâncias no mundo foram encurtadas porque foram superadas, uma notícia que antes levava semanas para chegar a determinado lugar hoje leva menos de um minuto e tudo em um click. Será culpa dos botões? Botões que ligam e desligam? Botões que comandam? Botões que fazem explodir? O que mais está faltando ao ser humano, o que mais ainda não está ao nosso alcance? Talvez nada mais esteja ao nosso alcance porque tudo na face da Terra é conhecido não porque o ser humano esteve presente, mas porque existem satélites espionando nossas riquesas e nossos modos de vida. Então pode-se dizer que nada mais está faltando ao ser humano a não ser compaixão. A conquista do espaço talvez seja a última glória do ser humano, mas não falamos em descoberta falamos em dominação, pois o homem não aprendeu a descobrir e sim a dominar, não aprendeu a salvar e sim a destruir. Os europeus destruiram suas florestas e agora querem ensinar como devemos cuidar das nossas, mas não precisamos de suas vivências, pois já aprendemos com os portugueses como saquear florestas dia e noite e quando não for mais esse o caminho ainda haverá espaço para alagar milhares de hectares, assim poderemos construir gigantescas obras de artes que gerarão energia para mover nossos fetiches.

Sugestão de leitura
O que penso sobre Avatar

veja a previsão de sua cidade

NASA imagem do dia

World